Categorias
Espiritualidade

Bendize

Feliz de ti se choras e bendizesA angústia que te oprime e dilacera, Guardando a luz da fé, viva e sincera,No coração marcado a cicatrizes! Ditosa a crença que não desesperaNo turbilhão das horas infelizes,Entrelaçando as fúlgidas raízesNo País da Divina Primavera! Suporta a sombra que precede a aurora,Louva a pedrada que nos aprimora,Trabalha e […]

Categorias
Espiritualidade

A grande vitória

Reacendem-se os fogos da batalha.Chora de angústia o mundo miserando,Caim passa, de novo, dominandoA civilização que se estraçalha… As bastardas paixões gritam em bando,Misturando-se no coro da metralha,Tudo pavor e morte, sem que valhaA voz da fé no vórtice nefando. Sobre as filosofias dos compêndios.Há misérias, canhões, trevas, incêndios,Desventuras que o homem não socorre! Mas […]

Categorias
Espiritualidade

No Calvário da Luz

Deixa que a Dor te rasgue o peito, ao grito Da angústia extrema que te prende e enluta! O buril que lacera a pedra bruta Guarda o poder tirânico e bendito. Infortunado, mísero, proscrito, Segue, de pés sangrando, sob a luta, De fronte iluminada e face enxuta, Prelibando a grandeza do infinito… Avança à frente, […]

Categorias
Espiritualidade

Há um século

Allan Kardec, o Codificador da Doutrina Espírita, naquela triste manhã de abril de 1860, estava exausto, acabrunhado. Fazia frio. Muito embora a consolidação da Sociedade Espírita de Paris e a promissora venda de livros, escasseava o dinheiro para a obra gigantesca que os Espíritos Superiores lhe haviam colocado nas mãos. A pressão aumentava… Missivas sarcásticas […]