Categorias
Espiritualidade

Compaixão e justiça / Compassion and justice

O Amor Universal favorece o levantamento da escola, mas, se te negas a aprender, ninguém te pode arrancar às trevas da ignorância.
A Divina Presciência estabelece regras e meios para a higiene, mas, se desertas do cuidado para contigo, albergarás, no próprio corpo, largo pasto à imundície.
A Infinita Bondade inspira a elaboração do remédio que te alivie ou cure as doenças, nessa ou naquela circunstância difícil, mas, se recusas o medicamento, continuarás sofrendo o desequilíbrio.
A Eterna Sabedoria promove a fabricação de extintores e encoraja a educação de bombeiros, mas, se ateias fogo na própria casa, padecerás, de imediato, os resultados do incêndio.
A Providência Vigilante suscita a formação de recursos para o cultivo e defesa da gleba, mas, se foges do trabalho, a breve tempo terás, no próprio campo, vasta coleção de espinheiros e serpentes.
Deus dá a semente, mas pede serviço para que o pão apareça; espalha ensinamentos, mas pede estudo para que haja aprimoramento do espírito.
Não procures enganar a ti mesmo, aguardando compaixão sem justiça.
Anota os fenômenos da existência e reconhecerás que a vida te concede guias e explicadores, estradas e máquinas; no entanto exige que penses com a própria cabeça e andes com os próprios pés.
Afirma Allan Kardec: “Certo, a misericórdia de Deus é infinita, mas não é cega.”
E Jesus, encarecendo a responsabilidade que nos supervisiona os caminhos, adverte-nos no versículo trinta e três do capítulo treze, no Evangelho de Marcos: “Olhai, vigiai e orai…”
Observemos que o apelo à prudência não inclui simplesmente o “vigiai” e o “orai”, e, sim, começa, com ampla objetividade, pelo imperativo categórico: “Olhai”.

Espírito Emmanuel, do livro Justiça Divina, psicografado por Chico Xavier.

Universal Love favors the lifting of the school, but if you refuse to learn, no one can pull you out of the darkness of ignorance.
Divine Foreknowledge establishes rules and means for hygiene, but if you abandon your care for yourself, you will harbor, in your own body, a large pasture for filth.
The Infinite Goodness inspires the elaboration of the medicine that relieves you or cures the diseases, in this or that difficult circumstance, but if you refuse the medicine, you will continue to suffer the imbalance.
Eternal Wisdom promotes the manufacture of fire extinguishers and encourages the education of firefighters, but if you set fire to your own house, you will immediately suffer the results of the fire.
The Vigilant Providence encourages the formation of resources for the cultivation and defense of the land, but if you run away from work, soon you will have, in the field itself, a vast collection of thorns and snakes.
God gives the seed, but asks for service so that the bread appears; spreads teachings, but asks for study so that there is improvement of the spirit.
Do not seek to deceive yourself, expecting compassion without justice.
Write down the phenomena of existence and you will recognize that life gives you guides and explainers, roads and machines; however, it requires you to think with your own head and walk with your own feet.
Says Allan Kardec: “Certainly, God’s mercy is infinite, but it is not blind.”
And Jesus, emphasizing the responsibility that oversees our paths, warns us in verse thirty-three of chapter thirteen, in the Gospel of Mark: “Behold, watch, and pray…”
Note that the appeal to prudence does not simply include “watch” and “pray”, but begins, with broad objectivity, with the categorical imperative: “Look”.

Emmanuel Spirit, from the book Divine Justice, psychographed by Chico Xavier.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.