Luta e Confia

Não te entregues ao mal. Luta e confia, De mãos sangrentas pela estrada afora, Glorificando o bem, sofrendo embora A tormenta de pranto e de agonia. Enfrenta a tempestade e a noite fria, E ante a esfinge insolúvel que devora, Medita e silencia, sonha e chora, Mas espera o clarão do novo dia. Não procures… Continuar lendo Luta e Confia