Categorias
Espiritualidade

Moeda e vida / Currency and life

Ouviste dizer que essa ou aquela moeda de tuas possibilidades terá procedido das cogitações de um avarento; no entanto, ainda hoje conseguirás com ela atender a compromisso justo, ou, então, empregá-la a fim de recuperar a paz de algum companheiro que a necessidade vergasta.

Noutras ocasiões, há quem afirme que os teus recursos monetários são remanescentes de esferas outras, nas quais o prazer enfermiço se demora gerando desvarios do pensamento, mas podes, de imediato, orientá-los no rumo do proveito geral, atenuando aflições ou secando lágrimas.

Nunca te pronuncies, porém, contra o dinheiro. Aprendamos a respeitá-lo, usando-lhe os potenciais na lavoura do bem.

Reflete e observarás que ele tem sido o instrumento silencioso de tua própria segurança.

Efetivamente, não te fez o lar, porque o lar se ergue a preço de amor. Entretanto, ajudou a levantar as paredes e a compor o teto da construção em que entreteceste o ninho domestico. Não criou o remédio que te garante a saúde, mas, comumente, é o estímulo de quantos operam no levantamento dos agentes que o formam, a benefício do teu equilíbrio orgânico. Não suscita sonhos de arte, todavia, ampara o gênio na execução da obra-prima. Não confere recursos técnicos ao campo da inteligência, mas o incentivo em que a indústria se desenvolve e consolida.

Dinheiro pode e deve ser a mola do progresso e a seiva do trabalho, a alavanca de reconforto e o aval da beneficência. Sempre que possas, troca a moeda que dispões pela felicidade dos semelhantes e, a breve tempo, reconhecerás a tua própria felicidade erguida em ti mesmo, a derramar-se, limpa e bela, de tuas próprias mãos.

Espírito Emmanuel, do livro Caridade, psicografado por Chico Xavier.


Currency and life

You have heard that this or that coin of your possibilities will have come from the thoughts of a miser; however, even today you will be able to meet a just compromise with it, or else use it in order to recover the peace of some companion that the need lashes.

On other occasions, there are those who claim that your monetary resources are remnants of other spheres, in which the sick pleasure lingers generating ravings of thought, but you can immediately direct them towards the general benefit, alleviating afflictions or drying tears.

Never speak out, however, against money. Let’s learn to respect it, using its potential in the cultivation of good.

Reflect and you will observe that he has been the silent instrument of your own safety.

Indeed, he did not make you home, because home is built at the price of love. However, he helped to raise the walls and compose the roof of the building in which you weaved the domestic nest. It did not create the remedy that guarantees health, but, commonly, it is the stimulus of those who work in lifting the agents that form it, for the benefit of your organic balance. It does not arouse dreams of art, however, it supports the genius in the execution of the masterpiece. It does not give technical resources to the field of intelligence, but the incentive in which the industry develops and consolidates.

Money can and should be the spring of progress and the sap of work, the lever of comfort and the guarantee of beneficence. Whenever you can, exchange the currency you have for the happiness of others and, in a short time, you will recognize your own happiness raised in yourself, pouring, clean and beautiful, from your own hands.

Emmanuel Spirit, from the book Caridade, psychographed by Chico Xavier.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.