Categorias
Espiritualidade

Tópicos da mediunidade

I – Fortaleçamos o entendimento, conservando a confiança na Divina Bondade.
Nenhuma razão para agravar problemas íntimos quando a mediunidade aparece.
A mediunidade com Jesus requer firmeza e trabalho ativo de nossa colaboração na seara espírita.
Jesus está conosco e Nele nos cabe depositar toda a fé.
Alegremos o coração, procuremos arejar os pensamentos e prossigamos adiante!

II – A mediunidade é condição espiritual, sempre com imenso nexo no passado da alma. É preciso nos mantenhamos valorosos e pacientes, no serviço gradativo de nossa transformação para o bem. Ajudemo-nos a nós mesmos. Não esmoreçamos!
Ergue-se a casa, elemento a elemento. Seja qual for a dificuldade psíquica, não fujamos ao trabalho. O estudo ilumina, mas só a caridade sustenta.
Não nos sintamos cansados da luta. Sirvamos, e a mediunidade, com expressivo conteúdo de provação, será para nos o caminho sublime para nosso campo de paz e luz.

III – Para que o nosso desenvolvimento mediúnico avance com o acerto necessário, não nos doa ao coração o imperativo da cooperação, em favor dos sofredores mais necessitados do ponto de vista moral. Isso é impositivo da caridade cristã a que não devemos fugir, na certeza de que amparando a eles, nossos amigos menos felizes, ajudaremos a nós mesmos.
Fé e confiança!

IV – Continuemos empenhando a confiança no Senhor da Vida e, o coração e a força à tarefa.
Pelo exercício salutar das faculdades mediúnicas, as nossas energias receberão precioso acréscimo de bênçãos.
Guardemos o coração tranquilo e valoroso!
Prossigamos trabalhando mediunicamente com o entusiasmo habitual.
Confiemos na Misericórdia Divina e esperemos sempre o melhor das mãos de Jesus!

V – A fidelidade às nossas tarefas espirituais, com o estudo e a caridade a nos apoiarem o esforço, é a nossa bênção de saúde e reequilíbrio completo.
Trabalhemos! O desdobramento de nossas forças mediúnicas com Jesus merecerá sempre a melhor atenção de nossos Amigos Espirituais.

VI – Confiança e Bom Ânimo! Prossigamos em nossas abençoadas tarefas mediúnicas e, através do serviço aos nossos irmãos encarnados e desencarnados, novas energias nos felicitarão o caminho.

VII – Sempre que trabalhemos, guardando a fé viva, na certeza de que Deus, na bênção do tempo, auxiliar-nos-á na solução de todos os problemas e lutas, as nossas tarefas mediúnicas prosseguirão amparadas com segurança.

VII – Com nossas forças mediúnicas canalizadas no trabalho edificante de que temos nós necessidade, e com a bênção do Alto, nos surpreenderemos mais robustos e serenos, equilibrados e tranquilos.
Prossigamos! Não nos faltará o apoio dos Instrutores da Vida Maior.
Socorrer os desencarnados e sofredores é socorrer a nós mesmos!
Continuemos tocados de bom ânimo, na certeza de que o Senhor nos abençoará sempre e sempre.

IX – Prossigamos em nossas tarefas mediúnicas de vez que as bênçãos de hoje, na Seara do Bem, ser-nos-ão, amanhã, generoso celeiro de paz e luz!

Espírito Bezerra de Menezes, do livro Apelos Cristãos, psicografado por Chico Xavier.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.