Categorias
Espiritualidade

Paz em caminho

Tempos difíceis!… Época de lutas!…
Dizes guardando na alma a luz acesa
Da análise que vem da madureza
Que o tempo te ensinou a registrar!…
Nesses amplos conflitos da existência,
Embora os desencantos do caminho,
Eis que o Céu te aconselha ao peito em desalinho:
—Perdoar! Perdoar!…

Companheiros terão mudado a senda,
Olvidando-te a fome de ternura,
Sem notar a dor que te tortura,
Ao senti-los descendo de lugar;
Choras almas queridas que te esquecem,
Perseguindo o prazer ruidoso e vão,
Mas a vida te pede ao coração:
—Perdoar! Perdoar!…

Quantos amigos vês, trocando de fé,
Por negação que as faltas lhes encobre,
Quantas almas geniais de sentimento pobre
Que te procuram desencorajar!…
As horas, entretanto, vão passando
E o tempo resguardando a antevisão de tudo,
Roga-te na função de mestre mudo:
—Perdoar! Perdoar!…

Não te isoles. Prossegue trabalhando
Na tarefa de amor que te eleva e te apura,
Quantos se dão à sombra da ventura,
Não encontram senão ânsia e pesar!…
Age, fazendo o bem… Caminha e continua…
Para seguir Jesus, estrada adiante,
A própria Lei de Deus nos lembra a cada instante:
—Perdoar! Perdoar!

Maria Dolores, do livro Seara da Fé, psicografado por Chico Xavier

2 respostas em “Paz em caminho”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.