Categorias
Espiritualidade

Colabora

… Sai de ti mesmo e ampara aos que esmorecerem de inanição na vida íntima…
Se a compreensão já se te fez luz nos recessos da alma, reflete nos problemas da fome espiritual.
Não existiria a delinquência na Terra, em tamanha extensão, não fosse a carência de recursos na sustentação da alma.
Indaguemos dos companheiros internados em sanatórios e instituições outras de trabalho reeducativo, para tratamento das alterações psicológicas de que são portadores, se teriam entrado em qualquer processo culposo, caso soubessem quanto lhes custaria a recuperação.
Conheces as estatísticas, referentes às áreas do Planeta, ameaçadas pela falta de pão.
Medita nas multidões, em todos os setores das experiências terrestre que clamam por esclarecimento e consolo, segurança e tranquilidade.
Fotografas a presença de certas enfermidades no corpo, através da radiografia.
A biópsia fornece exata notícia do câncer.
Quem fará a identificação do desânimo no caráter juvenil ou da tempestade de lágrimas que arrasa um coração materno?
Sai de ti mesmo e ampara aos que esmorecem de inanição na vida íntima.
A fome do estômago grita e agride.
A fome do coração, no entanto, é anestesiada pelas sombras da ignorância, quando as sombras da ignorância acerca de Deus e da Imortalidade alcançam as forças do sentimento.
Tolera, serve, eleva e abençoa.
Para auxiliar na extinção das trevas de espírito, ninguém te pede espetáculos de grandeza.
Basta te disponhas a estender essa ou aquela migalha de amor num raio de luz.

Meimei, do livro Amizade, psicografia de Chico Xavier.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.