Categorias
Espiritualidade

Vida e prova

Na roseira cresce o espinho
Mas cresce a rosa também…
Há muito mal no caminho
Que resulta em grande bem.

Não te revoltes na prova
Que te fere o coração.
A árvore se renova
Depois das folhas no chão.

Suporta em silêncio a cruz
Que te pesa vida afora,
Depois da noite, eis a luz
No resplendor da aurora.

Quem mais sofre nada diz.
Recebe a dor por troféu
E embora seja infeliz,
Escala os degraus do Céu…

Imagem que vejo e espalho
Para os crentes e os ateus:
Dependurado no galho,
O ninho confia em Deus.

Valoriza a própria vida,
Não abandones o lar;
É na família querida
Que se aprende o verbo amar…

A pérola linda e nova
Que a pobre ostra produz,
Recorda o final da prova,
Quando as trevas se fazem luz…

O pedreiro da floresta,
João-de-barro cantador,
Trabalha fazendo festa,
Esquecendo a própria dor.

Euríclides Formiga, do livro Junto Venceremos, psicografado por Chico Xavier

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.